Segunda-feira, 9 de Fevereiro de 2009

Queria? Já não quer?

Tenho a certeza que já vos aconteceu. Chegam a um café e  pedem algo: "queria uma água", "queria um café", "queria um pastel de nata".
E do outro lado da barricada (aka balcão) alguém vos responde, com um ar gozão: "queria? já não quer?".

São as idiossincrasias de um empregado de mesa.
 

Esta classe trabalhadora que me merece todo o respeito tem, nos extremos, duas maneiras de ser, que relaciono com dois dos dez mandamentos:

AMARÁS O PRÓXIMO COMO A TI MESMO
São as pessoas simpáticas que nos dão imensa atenção, que querem saber mais de nós que a nossa querida mãezinha, porque se preocupam genuinamente com o nosso bem-estar.
Sabem o que pedimos normalmente e por isso estendem-nos o prato antes mesmo de o pedirmos.
Fazem-nos sugestões de acordo com as nossas preferências pessoais que conhecem de trás para a frente.
São os que ouvem as nossas conversas ao telefone, para depois nos aconselharem sobre o assunto.
Aqueles que dão pela nossa falta, se por acaso não comparecemos no dia e hora que é normal.
São os Srs.Zés dos restaurantes e snack-bares.

NÃO MATARÁS
São aqueles que, ou nos desprezam, ou nos fulminam com o olhar. Consumirmos na sua casa é incomodar. Não precisam de nós.
Se sorriem, é porque são pagos para isso. E é só por isso que nos aturam com um mínimo de polidez.
Os mesmos que não perdem o sono se não voltarmos a pôr lá os pés, porque mais a quem atender - e gente mais importante - têm eles.
Entregam o pastel de nata sem nos olhar nos olhos e o bitoque, apesar de colocado com suavidade na mesa, dá-se como quem dá um osso a um cão (bitoque?! mon dieu! não nasci pour ça, hein?).
São os Srs.Vergílios da haute cuisine e dos não-sou-café-sou-salão-de-chá.

Então se o primeiro tipo é tão adorável, porque é que eu gosto tão mais de ser atendida pelo segundo? Aquele que ao pedido do copo de água responde "fresca, natural ou assim-assim" em vez de "queria? já não quer?".

Será pelo "até-amanhã-filha" final? Nunca gostei que me pressionassem...

 

feeling: a anotar o pedido
by Té às 15:25

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O mundo podia ter acabado

. O Sexo, a Cidade e o João

. A Estória da Traça

. Alô?

. Não admira que o ano corr...

. Balanço do mês

. Wishlist - a própria!

. Perigo! Crianças que acre...

. Até parece que não tenho ...

. Estimados Leitores

. Marketing 101 para Mendig...

. Começo a achar que a Lady...

. What Else?

. Primeiro dia

. 6a Feira 13 MUDASTI

.arquivos

. Outubro 2011

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.tags

. todas as tags

.blogroll