Sexta-feira, 20 de Fevereiro de 2009

Benjamim Botão

O filme jeitosinho. A história - muito freak - bem pensada. O final emocionante.
Contudo venho por este meio deixar algumas reclamações ao Estranho Caso de Benjamim Botão.


1. O filme é longo. Loooooooogo. Muuuuuuuito mais longo do que seria necessário.
Que tal perder as cenas históricas que não interessam nem ao menino Jesus? Para isso, tinha ido ver o Valquíria.

2. O problema essencial não é o filme ter três horas. É que, destas, apenas cerca de 40 minutos têm o Brad na sua melhor forma.
As duas primeiras alternam entre o Brad caquético e o Brad simplesmente-velho. E os últimos 20 minutos alternam entre o Brad adolescente-de-botox-na-cara e o Brad bébé.

3. Ao longo do filme ninguém estranha ele ser branquinho e loirinho, quando os supostos pais são negros.

4. Tendo o velho/rapaz uma doença do mais estranho que já se ouviu falar, ninguém - repito NINGUÉM - ficou chocado com o assunto.
NENHUM cientista o quis estudar.
NENHUM jornalista quis fazer a reportagem da sua vida sobre ele (nem a Judite de Sousa para a Grande Entrevista).
NENHUM homem do espectáculo o quis meter numa jaula para cobrar bilhetes às pessoas que o quisessem ver - mais 20 dólares para lhe tocar.

5. Por último, queixo-me porque as legendas estavam esquisitas. Isso se calhar não é culpa do filme MAS DE QUEM ME CONVIDOU PARA VER A VERSÃO PIRATEADA.
Expressões como "as minhas cópias" em vez de "os meus filhos", ou "that's casa no verão" marcaram indelevelmente esta minha experiência.
Perdeu-se o drama e ganhou-se uma pitada de comédia. E não é bom rir de uma pessoa que nasce enrugada daquela maneira.

Cena Favorita:
O acidente da mocinha. O encadear e a possibilidade do não-encadear dos acontecimentos.

Idade favorita do BB:
40s (perfeito! perfeito!)


feeling: crítica de cinema
by Té às 10:00

link do post | COMENTAR | favorito
18 comentários:
De Bomboca a 20 de Fevereiro de 2009 às 17:47
Não me encheu as medidas, mas acho que a culpa foi das legendas, vou ter de o rever.
Às tantas só desejava que a velha fechasse os olhinhos de vez, lol.

Mas concordo com tudo o que disseste.

Só há mais uma questão que não não achei bem.
Ele nasce pequenino, tamanho de bebé, mas todo enrugadinho e cegueta e tal. Depois morre outra vez com tamanho de bébé, mas agora um bebé à séria.

Das duas uma:
- ou nascia com tamanho de velhote (sim porque os velhotes por mais marrequinhos que sejam não são do tamanho que ele era) e morria com tamanho de bebé.
- ou nascia com tamanho de bebé mas corpo de velhote e morria com tamanho de velhote mas corpo de bebé.

Acho que assim é que era mais realista, lolol.

Bjinhos e bom fim de semana. Vê-se mesmo que tou a precisar de descanso ;)

De Princesa a 20 de Fevereiro de 2009 às 18:28
Em relação a isto, tenho apenas um pensamento: os dois últimos filmes que vi tinham a ver com botões (o do Sr. Benjamim e o da menina Coraline). Será a nova tendência Primavera/Verão?

PS - Este foi, seguramente, o comentário mais anormal que já fiz. Mil perdões.

De Elefanta mais aromática a 20 de Fevereiro de 2009 às 21:48
"Brad caquético e o Brad simplesmente-velho" ~> DEMAIS
xD

(comentário mais curto de sempre)
De Madame Butterfly a 21 de Fevereiro de 2009 às 19:53
Penso que se tivesse visto este filme em casa (em versão pirateada), provavelmente teria escrito uma crítica dão grande como esta:P As três horas aguentam-se bem no cinema, mas penso que duas teriam dado para fazer o mesmo filme com a mesma história, de facto. Quanto ao resto, acho que o filme era metafórico - ao estilo de Fincher - e temos que olhar para ele como tal, sem pretendermos ver nele a imagem da nossa realidade. Mas pronto, isto é apenas a minha opinião, que sou fã do realizador e gostei muito do filme!:)))
De saltos altos vermelhos a 22 de Fevereiro de 2009 às 19:11
Gostei!!!
De a 23 de Fevereiro de 2009 às 09:22
@Bomboca
Nascia com tamanho de velhote??? Querias mesmo estraçalhar a mãe em vez de simplemente matá-la!

@Princesa
É um raciocínio perfeitamente lógico! lol
A seguir vais ver o Pátio das Cantigas para veres a "agulha e o dedal" :p

@Elefanta
Vê lá primeiro e depois diz se não concordas comigo!

@Madame Butterffly
Sim, aposto que o filme no cinema teria sido visto por mim com outros olhos.

@saltos altos vermelhos
:)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O mundo podia ter acabado

. O Sexo, a Cidade e o João

. A Estória da Traça

. Alô?

. Não admira que o ano corr...

. Balanço do mês

. Wishlist - a própria!

. Perigo! Crianças que acre...

. Até parece que não tenho ...

. Estimados Leitores

. Marketing 101 para Mendig...

. Começo a achar que a Lady...

. What Else?

. Primeiro dia

. 6a Feira 13 MUDASTI

.arquivos

. Outubro 2011

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.tags

. todas as tags

.blogroll