Terça-feira, 7 de Abril de 2009

HOW TO by Bela

Há ensinamentos que nos chegam das mais variadas formas. Nada substitui a experiência própria, mas há umas quantas coisas que é preferível aprender pela experiência dos outros que passar pelas situações em si.

Numa perspectiva meramente didáctica trago até vós os ensinamentos que sempre estiveram lá, mas estávamos demasiado ocupados com o restante cenário para reparar – os trazidos pelas personagens de desenhos animados.

Comecemos com o que nos ensinou Bela, do clássico a Bela e o Monstro.
 

Num parágrafo a história resume-se a isto: o pai da Bela é preso por um monstro horroroso e peludo no seu castelo. Ela substitui-se ao pai. Amansa a fera com a sua personalidade fantástica e a sua boa índole e a força do amor fá-lo transformar-se de novo no garboso príncipe que já fora em tempos.

Muitos poderiam pôr as coisas desta forma: o filme ensina às crianças desde cedo que a força do amor é transformadora. Eu prefiro pôr as coisas noutros termos, o filme ensina às mulheres em geral isto:

Como fazer a besta do seu namorado tornar-se num príncipe?

Numa leitura mais atenta do filme os segredos para o conseguir by Bela são:
 

  • Mostrar ao tipo que se tem outras opções mais lavadinhas (a Bela tinha o Gastón para fazer ciúmes ao Pantufa);
     
  • Desprezo (passar imenso fechada numa biblioteca a pôr a leitura em dia, no caso dela).


Com ela funcionou. No geral, não tenho a certeza.
Que opinam os caros leitores?

Fica ainda a dúvida: teria Bela ficado com o Mostro, se ele continuasse a ter mais pêlos que o Tony Ramos em vez de ficar louro de olhos azuis?

Próximo capítulo (ou não):
HOW TO by Peter Pan – Segredos para manter a juventude eterna

 

 

feeling: boa conselheira
by Té às 08:00

link do post | favorito
De P. a 7 de Abril de 2009 às 21:02
acho que hoje em dia já são poucas as pessoas que se dão ao trabalho de tentar amansar o que quer que seja. à mínima coisa, puff!

a cena do desprezo funciona às mil maravilhas e acho que ela teria ficado com ele mesmo com mais pelos que o tony ramos, sim ahaha!

*
De a 8 de Abril de 2009 às 12:19
Concordo mesmo com o que dizes!
"Ah, usas pantufas? Não gosto disso, está tudo acabado."
"Discutir? falar para quê? Não gosto disso. Está tudo acabado."

Ninguém tenta nada hoje em dia. Dá, dá. Não dá, passa a outro e não ao mesmo. LOL
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O mundo podia ter acabado

. O Sexo, a Cidade e o João

. A Estória da Traça

. Alô?

. Não admira que o ano corr...

. Balanço do mês

. Wishlist - a própria!

. Perigo! Crianças que acre...

. Até parece que não tenho ...

. Estimados Leitores

. Marketing 101 para Mendig...

. Começo a achar que a Lady...

. What Else?

. Primeiro dia

. 6a Feira 13 MUDASTI

.arquivos

. Outubro 2011

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.tags

. todas as tags

.blogroll